• SINCODIVES

  • LEGISLAÇÃO

  • EVENTOS

  • ESTATÍSTICAS

  • COMUNICAÇÃO

  • ESTUDOS

  • INSCRIÇÃO


Vendas de usados continuam em alta e crescem 10,9% em setembro

Publicado em 07/10/2020

As vendas de veículos usados cresceram 10,9% em setembro na comparação com agosto, confirmando a tendência de alta do setor, uma vez que ambos os meses tiveram o mesmo número de dias úteis (21). Os dados divulgados pela Fenabrave, que reúne os distribuidores e concessionárias, mostram que o volume chegou a 1,06 milhão de unidades, considerando a soma das transações para automóveis, comerciais leves, caminhões e ônibus. Todos os segmentos registraram aumento dos volumes no comparativo mensal.

Nos leves, que inclui automóveis e comerciais leves, a alta foi de 11% na passagem de agosto para setembro, para pouco mais de 1,01 milhão de unidades vendidas. Já nos pesados, com pouco mais de 40,9 mil caminhões e ônibus, houve aumento de 8,5%.

 Para Ilídio dos Santos, presidente da Fenauto, que reúne os revendedores multimarcas, o resultado de setembro confirma as previsões da entidade de que a recuperação do segmento foi muito mais rápida e que apresenta desempenho acima das expectativas. “A persistir esse movimento positivo, poderemos fechar o ano com bons resultados”, comenta.

 O presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Júnior, indica que a melhora do crédito é um dos componentes que vem ajudando na recuperação do setor.

“O mercado de usados vem se mantendo aquecido, há uma boa oferta de crédito, resultado do comportamento positivo da inadimplência. Outro fator que impulsiona este mercado é a recuperação das vendas de veículos novos”, comenta Alarico.

 Apesar da expectativa positiva, as vendas de usados ainda seguem em queda quando o comparativo é no acumulado do ano. O volume total de janeiro a setembro fechou em 6,3 milhões de unidades, na soma de todos os segmentos, resultado que ficou quase 24% menor sobre o registrado há um ano, quando 8,3 milhões de veículos trocaram de dono.

 Da mesma forma, todos os segmentos, isoladamente, registraram queda na comparação anual: as vendas de leves reduziu 24%, enquanto os pesados diminuíram os volumes em 21%.

Vendas de usados continuam em alta e crescem 10,9% em setembro

Compartilhe:

 

 

Visitas: 32

Fonte: Automotive Business

FALE CONOSCO