• SINCODIVES

  • ESTATÍSTICAS

  • LEGISLAÇÃO

  • COMUNICAÇÃO

  • EVENTOS


Crédito para caminhoneiros será liberado na próxima semana pelo BNDES

Publicado em 16/05/2019

A linha de crédito do BNDES destinada aos caminhoneiros para financiar a manutenção dos veículos estará disponível a partir da próxima semana, garantiu o presidente do BNDES, Joaquim Levy, que afirmou ter recebido o sinal verde do Ministério da Economia para a concessão do financiamento. Segundo ele, a linha de crédito pode dobrar, dependendo da demanda. Atualmente, o valor pré-aprovado do pacote de ajuda à categoria é de R$ 500 milhões e o limite para cada profissional é de R$ 30 mil.

“A gente deu uma pré-aprovação de R$ 500 milhões podendo chegar a R$ 1 bilhão, sem a menor dificuldade. Depende da demanda. Como todo banqueiro quero que o ativo que emprestei tenha o máximo rendimento e mantenha o seu valor”, disse Levy em entrevista na sede do BNDES, na terça-feira, 14, no Rio de Janeiro, durante a divulgação do balanço da instituição, que obteve lucro de R$ 11,1 bilhões no primeiro trimestre.

Ele se reuniu com representantes dos bancos repassadores do crédito para definir como será a operação do programa. “A partir da semana que vem já está funcionando, porque a gente já teve o ‘ok’ de Brasília”, garantiu.

O valor de R$ 30 mil, segundo ele, foi definido com base na capacidade de endividamento do caminhoneiro e também do custo da manutenção do veículo. “O caminhão é o principal ativo que o caminhoneiro tem. É a fonte de renda dele e a gente quer que aquilo esteja sempre em condições perfeitas”, disse.

Anunciada em 16 abril, a linha de financiamento foi uma tentativa do governo evitar uma nova paralisação da categoria. Ela é destinada a caminhoneiros autônomos para custear a manutenção do veículo e compra de pneus. O crédito não inclui gastos com combustível nem com a compra de novos caminhões.
Crédito para caminhoneiros será liberado na próxima semana pelo BNDES

Compartilhe:

 

 

Visitas: 22



FALE CONOSCO